Parece que a conversa sobre transição do governo foi proveitosa para a agenda de retirada de direitos. Olha aí o primeiro ataque às pessoas com deficiência.

“Altera o Decreto nº 9.508, de 24 de setembro de 2018, para excluir a previsão de adaptação das provas físicas para candidatos com deficiência e estabelecer que os critérios de aprovação dessas provas poderão seguir os mesmos critérios aplicados aos demais candidatos.”

veja o decreto.