O #ManifestoHúmus é um canto pela ancestralidade #LGBTI. Com um memorial de rua elaborado pelo artista visual Fernando Gois, homenageia pessoas LGBTI+ executadas por crimes de ódio, pauta a ausência do respeito aos LGBTI no texto final da BNCC (Base Nacional Comum Curricular) e conta com a participação das Mães Pela Diversidade.