Mais uma vez a falta de investimentos em saúde e o desmonte do SUS prejudicam a população.

Não é a primeira vez, neste ano, que o Hospital das Clínicas da Unicamp suspende os atendimentos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) pediátrica e pronto-socorro infantil. O aumento do demanda por internações hospitalares nesta época do ano não pode servir de justificativa para os equipamentos públicos de saúde deixarem de assistir a população.

Veja reportagem do G1.