Chegou à Câmara na quarta feira (26/02) o projeto do governo Jonas que pretende mexer na aposentadoria dos servidores públicos e alterar as regras do CAMPREV. Entre as alterações que o governo quer fazer está o aumento da alíquota de contribuição dos atuais 11% para 14%. Essa mudança significaria a redução do salário líquido do servidor público municipal. A proposta de mudança da prefeitura se fundamenta em uma fraude, que é o déficit do CAMPREV, gravamos um vídeo explicando essas alterações propostas e a farsa do Déficit. Assista, compartilhe e vamos à luta para barrar esse projeto! #CPIdoCAMPREV