Os professores do país tem sido um dos principais alvos de perseguição de políticos conservadores. Esses últimos se auto-intitulam defensores da neutralidade. Mas, me diga o que há de neutralidade em reprimir qualquer ideia contrária ou crítica aos seus próprios pressupostos? Isso é pura perseguição ideológica e doutrinação!

Veja reportagem da Carta Capital.