Ai está a razão mesquinha por trás da criminalização do professorado. Podemos esperar que vem demissão em massa de professores; educação da juventude ainda mais medíocre, como simples treinamento para atividades que uma economia neocolonial precisa e possibilita; muitos negócios para os grandes empresários do ramo de educação à distância, como Stavros Xantopoylos.

veja reportagem no G1.