O ministério do trabalho é quem define e gere as políticas de geração de emprego e de relações de trabalho, fiscalização e política salarial. Mas certamente o candidato e seu partido não estão preocupados com as condições de trabalho, garantia de política salarial e todas as demais questões que envolvem a vida do trabalhador.

Veja no G1.