Em nota divulgada hoje, o Conselho Superior da Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), órgão federal responsável por grande parte das bolsas de pesquisa no país afirma que, se mantidos os cortes do Governo Temer direcionados à entidade, todas as bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado – além das bolsas de formação de professores da educação básica serão encerradas em 2019.

Mais um vez estamos sentindo o que uma política anti-educação pode fazer com o Brasil. A pesquisa e a ciência devem ser o pilar de qualquer país preocupado com seu desenvolvimento e com o futuro do seu povo. Precisamos cobrar das autoridades nacionais e também dos órgãos estaduais garantias financeiras e estruturais para o desenvolvimento da pesquisa. Isto é um absurdo e não podemos nos calar! Temer, libera o dinheiro da pesquisa e da educação, já!