A desassistência da população campineira em áreas essenciais como saúde e educação estão, há tempos, em níveis insustentáveis e desmentem a falsa propaganda de cidade feliz e eficiente do programa eleitoral do prefeito Jonas Donizette.

Na realidade de cada campineiro está o abandono, o desrespeito e as falsas desculpas para uma opção orçamentária equivocada de sucateamento dos serviços públicos, negação de direitos sociais básicos e renuncia fiscal para beneficiar os grandes devedores. Você sabia que os 100 (cem) maiores devedores da cidade de Campinas acumulam metade de toda a dívida da cidade e que foram muito beneficiados pelo governo Jonas Donizette via política de refinanciamento das dívidas que privilegiava especialmente, as maiores dívidas, aquelas acima de 1 milhão?

Acompanhem o debate orçamentário que a Câmara fará neste segundo semestre, venha debater conosco as prioridades do orçamento da cidade. Acompanhem nossa página, logo menos divulgaremos eventos para balanço, avaliação e proposição das políticas orçamentárias do município.